Overview AdTech | Blog

Boas Práticas e tendências que devem ser consideradas durante a elaboração do seu plano de mídia

13/12/2022 17:56:48

  • Compatilhe:

Boas Práticas e tendências que devem ser consideradas durante a elaboração do seu plano de mídia.


O planejamento de mídia é uma etapa muito importante do marketing de qualquer empresa. Para que uma campanha seja bem sucedida, é essencial desenvolver um Plano de Mídia, considerando as melhores estratégias de comunicação, adequadas ao seu público alvo!



O que é um Plano de Mídia?


O plano de mídia é um trabalho estratégico e que tem como finalidade definir quais canais serão usados.


Nesse plano, é importante avaliar uma série de fatores que têm impacto direto na decisão. Com essa visão estratégica, o plano de mídia determina as plataformas principais da campanha!


Na elaboração, considera-se fatores como o horário de veiculação das campanhas, o canal que vai captar o público-alvo, qual terá mais impacto em volume, qual terá o melhor custo-benefício, entre outros pontos importantes.


O que analisar?


Para obter um Plano de Mídia eficiente, você deve considerar alguns itens importantes:


  • Objetivos: Definir e identificar um objetivo antecipadamente permitirá que, no futuro, uma análise seja feita sobre como essa meta foi alcançada e, principalmente, se foi conquistada. Definir e identificar esse objetivo antecipadamente permitirá que, no futuro, uma análise seja feita sobre como essa meta foi alcançada e, principalmente, se foi conquistada;
  • Público: O público-alvo é o principal critério do plano de mídia, pois define quais pessoas deverão ser impactadas pela comunicação. Para isso, torna-se essencial criar personas de cada público e buscar os canais compatíveis com os mesmos;
  • Mercado: A pesquisa de mercado é essencial em qualquer campanha de sucesso, ela afeta diretamente os resultados, antecipando possíveis falhas e gerando insights importantes para sua estratégia;
  • Orçamento: Todo bom planejamento de mídia precisa aproveitar ao máximo a verba disponível, buscando sempre o melhor custo-benefício. Para utilizar o orçamento da melhor forma, você precisa eliminar veículos que custam muito e trazem pouco retorno, priorizando canais que garantem uma audiência mais selecionada e qualificada;
  • Canais: Uma boa estratégia avalia pontos positivos e negativos de cada canal a fim de encontrar o ambiente ideal para seu público. Selecionar o meio mais eficiente para se comunicar com os consumidores fará sua campanha ter melhores resultados em termos de qualidade e custo-benefício;
  • Produto: Saber quais são os pontos fortes e fracos, vantagens e desvantagens, diferenciais e desempenho do produto ou marca irá fazer com que suas ações sejam tomadas de forma objetiva, evidenciando sempre o que há de melhor.



Análise de Resultados e Otimização de Estratégias


Com tantas métricas disponíveis, sempre surge a dúvida: quais indicadores devo analisar? Podemos destacar quatro números importantes:


  1. Alcance: Diz respeito a quantidade de público total que foi ou será impactada pelas suas campanhas. Quanto maior o alcance de uma ação, mais pessoas terão contato com a sua marca ou produto;
  2. Frequência: A frequência trata da quantidade de vezes que os seus anúncios e conteúdos foram vistos pelas pessoas. Nem sempre a frequência alta é um bom indicador, uma vez que a mesma pessoa pode visualizar o anúncio diversas vezes;
  3. CPM: É o valor para que mil pessoas estejam em contato com determinada ação ou conteúdo. Quanto mais der nesse lance, maiores serão as chances de atingir as mil impressões mais rapidamente;
  4. CPP: O Custo por Ponto (CPP) é o valor utilizado para alcançar um determinado objetivo. Ele deve ser considerado durante a definição do orçamento, pois avalia quanto a empresa investirá para alcançar sua meta.



Importância do Plano de Mídia


O plano de mídia é fundamental para selecionar os melhores canais para a veiculação da campanha e garantir o sucesso das ações de marketing. Ele garante que a mensagem chegue diretamente ao público, no formato certo e momento ideal!


Para descobrir quais veículos estão mais próximos dos consumidores, você precisa analisar cuidadosamente cada canal, seus prós e contras para entender quem é a audiência do canal, se ela é qualificada e se está alinhada à persona do negócio, produto ou serviço.


Além disso, o plano de mídia também é essencial para otimizar as verbas e melhorar as taxas de retorno do investimento (ROl). Isso acontece porque alguns canais de mídia possuem menor alcance, porém são mais segmentados, e podem atingir exatamente o público desejado por um preço muito menor ao das mídias de larga escala e alcance em massa.


O planejamento também garante a melhor sinergia entre os canais online e offline. Podendo, inclusive, utilizar apenas um dos dois, dependendo do objetivo da campanha.




Conclusão


O plano de mídia e o marketing caminham juntos, traçando os melhores caminhos para comunicar os diferenciais da empresa aos seus consumidores!


Otimiza suas verbas de marketing, diminui rupturas levando o consumidor a mensagem apenas para o público qualificado e melhora a experiência do consumidor entregando uma comunicação personalizada.


Gostou? Você pode incluir a Mídia Programática no seu Plano de Mídia! Entre em contato conosco e alavanque sua campanha!



LEIA TAMBÉM NO BLOG DA OVERVIEW

Como fazer uma boa gestão de mídia programática

Inventário de mídia programática para Digital Out-of-home

Guia prático de métricas

Os grandes desafios dos profissionais de mídia e as grandes tendências para essa profissão